Loading...
LETRA

Oh yeah, what we're living in (let me tell ya)
It's a wonder man can eat at all
When things are big that should be small
Who can tell what magic spells we'll be doing for us
And I'm giving all my love to this world
Only to be told
I can't see
I can't breathe
No more will we be
And nothing's going to change the way we live
Cos' we can always take but never give
And now that things are changing for the worse
See, it's a crazy world we're living in
And I just can't see that half of us immersed in sin
Is all we have to give these -

[Chorus]
Futures made of virtual insanity
now Always seem to, be
govern'd by this love we have
For useless, twisting, our new
technology Oh, now there is no
sound - for we all live underground

And I'm thinking what a mess we're in
Hard to know where to begin
If I could slip the sickly ties that earthly man has made
And now every mother, can choose the colour
Of her child
That's not natures way
Well that's what they said yesterday
There's nothing left to do but pray
I think it's time I found a new religion
Waoh - it's so insane
To synthesize another strain
There's something in these
Futures that we have to be told

[Chorus]

Now there is no sound
If we all live underground
And now it's virtual insanity
Forget your virtual reality
Oh, there's nothing so bad,
I know yeah

Instrumental break

[Chorus]

Of this virtual insanity, we're livin' in,
Has got to change, yeah
Things, will never be the same,
And I can't go on
While we're livin' in oh,
oh virtual insanity
Oh, this world, has got to change
Cos I just, I just can't keep
going on, it was virtual,
Virtual insanity that we're livin' in,
that we're livin' in
That virtual insanity is what it is

[Chorus]

Living - Virtual Insanity
Living - Virtual Insanity
Living - Virtual Insanity
Living - Virtual Insanity

Virtual insanity is what we're living in

TRADUÇÃO

[Virtual Insanity (Tradução)]

Sim, no que estamos vivendo, deixa eu te contar:
É uma surpresa que o homem pode comer
Quando coisas que deveriam ser pequenas são grandes
Quem pode dizer que magias estaremos fazendo para nós
E eu estou dando todo meu amor a esse mundo
Apenas para ser avisado
Eu não posso ver
Eu não posso respirar
Nós não seremos mais
E nada vai mudar o jeito que vivemos
Porque nós sempre podemos tirar mas nunca dar
E agora que as coisas estão mudando para pior
Veja, é num mundo louco que nós estamos vivendo
E eu não posso ver que metade de nós submergimos em pecado
É tudo que nós temos para dar a esses

[Refrão]
Futuros feitos de insanidade virtual agora
Sempre parece ser
Governado por esse amor que temos
Para inútil, a torção da nova tecnologia
Oh, agora não há som
Porque nós todos vivemos debaixo do chão

E eu estou pensando em que enrascada nós estamos
Díficil saber onde começar
Se eu pudesse livrar os laços que o homem terrestre fez
E agora todas as mães, podem escolher a cor
Do seu filho
Esse não é o jeito da natureza
Bom é por isso que eles disseram ontem
Não há nada mais a fazer a não ser rezar
Acho que é hora de eu achar uma nova religião
Waooooh - Isso é tão louco
Sintetizar outro esforço
Há algo nesses
Futuros que nós precisamos ser avisados

[Refrão]

Agora não há som
Se todos nós vivemos debaixo da terra
E agora é insanidade virtual
Esqueça sua realidade virtual
Oh, não há nada tão ruim
Eu sei, sim

Instrumental

[Refrão]

Dessa insanidade virtual, em que nós estamos vivendo
Tem que mudar, sim
As coisas, nunca serão as mesmas
E eu não posso continuar
Enquanto nós estivermos vivendo em, oh
Oh insanidade virtual
Oh, esse mundo precisa mudar
Porque eu, eu não posso continuar
Indo, era virtual
Insanidade virtual em que estamos vivendo
Em que estamos vivendo
Essa insanidade virtual é o que é

[Refrão]

Vivendo - insanidade virtual
Vivendo - insanidade virtual
Vivendo - insanidade virtual
Vivendo - insanidade virtual

Insanidade virtual é no que estamos vivendo