Loading...
LETRA

Terra Prometida

(Zé Mulato-Cassiano)Cururu



Vida que eu pedi a Deus veio melhor

que a encomenda

Conseguiu um sitiozinho um arremedo

de fazenda

Mas prá mim e um paraíso a mais

preciosa prenda

Vinte vaquinhas de leite, pastão

formado no bengo

Cavalo bão arriado, um alazão que é

meu dengo

Seis cachorros nacionar prá correr

Anta e catengo

Junto com minha querida,to na terra

prometida

E na estrada da vida eu piso firme não

capengo



Eu fiz de um tamburi um canoão de

mão cheia

Para pescar jiripoca nas noites de lua

cheia



Da fidargo e da pintado beirando os

bancos de areia

Eu acho que essa vidinha é tudo que

agente anseia

Vinte vaquinhas de leite, pastão

formado no bengo

Cavalo bão arriado, um alazão que é

meu dengo

Seis cachorros nacionar prá correr

Anta e catengo

Junto com minha querida,to na terra

prometida

E na estrada da vida eu piso firme

não capengo



Domingo arreio o alazão e a mulona

de cela

Vou junto com meu amor passear na

currutela

Bebo uns tragos e jogo truco, mas

primeiro na capela

Vou agradecer a Deus por essa vida

tão bela

Vinte vaquinhas de leite, pastão

formado no bengo

Cavalo bão arriado, um alazão que é

meu dengo

Seis cachorros nacionar prá correr

Anta e catengo

Junto com minha querida,to na terra

prometida

E na estrada da vida eu piso firme

não capengo

(ENVIADA POR EVANDRO RIBEIRO SADI) [email protected]