Loading...
LETRA

Eu não caibo mais nas roupas que eu cabia.
Eu não encho mais a casa de alegria.
Os anos se passaram enquanto eu dormia.
E quem eu queria bem me esquecia.

Será que eu falei o que ninguém ouvia?
Será que eu escutei o que ninguém dizia?
Eu não vou me adaptar.
Me adaptar

Não tenho mais a cara que eu tinha.
No espelho essa cara já não é minha.
Mas é que quando eu me toquei, achei tão estranho.
A minha barba estava desse tamanho.

Será que eu falei o que ninguém ouvia?
Será que eu escutei o que ninguém dizia ?
Eu não vou me adaptar.
Me adaptar.

Eu não vou me adaptar.
Me adaptar.

Eu não caibo mais nas roupas que eu cabia.
Eu não encho mais a casa de alegria.
Os anos se passaram enquanto eu dormia.
E quem eu queria bem me esquecia.

Será que que eu falei o que ninguém ouvia?
Será que eu escutei o que ninguém dizia?
Eu não vou me adaptar.

(Não vou)
Me adaptar.
(Não vou)
Não vou me adaptar.
Não vou.

Não tenho mais a cara que eu tinha.
No espelho essa cara já não é minha.
Mas é que quando eu me toquei, achei tão estranho.
A minha barba estava desse tamanho.

Será que eu falei o que ninguém ouvia?
Será que eu escutei o que ninguém dizia?
Eu não vou me adaptar.

(Não vou)
Me adaptar.
(Não vou)
Não vou.
Não vou me adaptar.
(Não vou)
Eu não vou me adaptar!
Não vou!
Não vou me adaptar!