Loading...
LETRA

Peguei a viola e cantei, contemplando a natureza
No espelho d'água deixei refletir minha tristeza
O clamor da água passa saudade falando assim
Sofre e chora coração sua magoa não tem fim

No chuá chuá das águas, rolando pela pedreira
Eu misturei o meu choro no choro da cachoeira
No chuá chuá das águas, rolando pela pedreira
Eu misturei o meu choro no choro da cachoeira

Eu venho jogar nas águas, pedaços de amor desfeitos
Que a ingratidão quebrou aqui dentro do meu peito
Não consigo entender o amor em que consiste
Pois quem ama vive alegre e eu amo e vivo triste

No chuá chuá das águas, rolando pela pedreira
Eu misturei o meu choro no choro da cachoeira
No chuá chuá das águas, rolando pela pedreira
Eu misturei o meu choro no choro da cachoeira