Loading...
LETRA

Eu tenho nos olhos a chuva
E os ventos uivantes
Que tem os amantes
Não correspondidos
Em lágrimas eu me debulho
Eu e meu orgulho
Estamos feridos

Caminhando pela cidade
Eu sou deserto
Escuro e frio
Meu Deus como dói o vazio
De não ter você

No rosto de cada pessoa
Na folha que voa
Em tudo eu procuro você
Minha vida
Nas ruas, nos shopping, nos bares
Eu vou aos lugares
Com a alma partida
Perdido no meio da noite
Eu não me vejo
É tudo sombrio

Meu Deus como dói o vazio
De não Ter você
Meu coração está quebrado
Desesperançado
Triste já não crê

Que sobreviva sem motivo
Não se sente vivo
Quando não te vê