Loading...
LETRA

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

("Ê beleza!
Agora eu tenho um compadre que é político
Ah ah! vou lavá a égua, ah ah ah!
Vou ajeitá a minha vida")

Caro compadre
Parabéns, tu foste eleito
Vê se agora dá um jeito
Do caboclo acomodar

Pois cá na serra
A coisa já anda russa
E nem que a vaca tussa
Preciso me endireitar

Assim carece
Meu compadre, um arrego
Me ajeita um emprego
Mas que seja de patrão

Só não confunda
O pedido com serviço
Porque eu refugo isso
Não trabalho de peão

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

("Vê se dá um jeitinho aí, compadre!
Tanta gente se ajeitando lá em cima
Por que que eu não posso? Ah ah ah ah! ")

Peço ainda
Uma vaga pra minha prenda
De servente ou na merenda
Na escola em meio turno

E o sogro véio
Fina flor de caboteiro
Já que dorme o dia inteiro
Pode ser guarda-noturno

Sou respeitoso
Sem querer ser abusado
Recomendo um afilhado
Boca braba, te aviso

Foi carpeteiro
Perdeu tudo o que herdou
É metido a gigolô
Campeão pra dar prejuízo

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

Quase esqueci
Da ligeira da minha sogra
Que até cigano logra
Bebe canha feito bicho

Mas esta sim
Bota logo no batente
É a vergonha dos parentes
Puxa briga nos bolichos

Aqui encerro
Achando que não é feio
Tu mandar pelo correio
O salário do pessoal

Pois Deus o livre
Esta gente na cidade
É grossa, barbaridade
Iam só te deixar mal

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém

O que é que há?
O que é que tem?
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém
Uma tetinha nunca fez mal pra ninguém