Loading...
LETRA

Poeira vai subindo formando um grande véu
as patas da boiada vão marcando estrada e também no céu.
Poeira vai subindo formando um grande véu
as patas da boiada vão marcando estrada e também no céu.

O chão não tem limites se o gado dá o estouro
Peão nunca desiste para salvar um touro
Num rancho improvisado viola no ponteio
O coração, coitado, vive apertado, a saudade veio.
E agora tão distante o pensamento é nela
E só por causa dela continuo sendo um boiadeiro errante.