Loading...
LETRA

A noite passada eu dormi chorando
Bateu a saudade de um antigo amor
A saudade me pegou de jeito
Esse peito velho chorou
Existem amores na vida
Que a gente nunca esquece
E quando se tem um retrato
Muito mais o sujeito padece
É na calada da noite
Que o peito inflama
A gente perde o sono
Se sente no abandono
Coração chora e reclama
Na mesa garrafas vazias
E o peito cheio de mágoa
Depois de tantas cachaças
Ajoelho e peço água


Eu lembrei dos nossos beijos
Tanto tempo já se passou
Por onde ela anda agora
Por um outro ela me trocou
Existem amores na vida
Que a gente nunca esquece
E quando se tem um retrato
Muito mais o sujeito padece
É na calada da noite
Que o peito inflama
A gente perde o sono
Se sente no abandono
Coração chora e reclama
Na mesa garrafas vazias
E o peito cheio de mágoa
Depois de tantas cachaças
Ajoelho e peço água