Loading...
LETRA

Agora que o tempo passou
Eu posso falar da minha alma
Já posso olhar sua fotografia
Olhar o dia e não chorar

Já posso sorrir pro amigo, pra vida
De vez em quando
Mas quando a saudade me invade
Eu tenho medo, medo, medo

Por você inventaria um lugar que não existe
Pediria à Deus pra ter o teu coração no peito meu
Roubaria suas digitais pra se misturar às minhas
Por amor eu doaria o meu sangue pra unir ao seu

Agora que a luz dos teus olhos reflete saudade
Desenho teu nome pra sempre no meu caminho
E tento desatar os nós das minhas lembranças
Mas quando eu percebo estou completamente sua

Me vejo apontando o céu cheio de estrelas
E logo adormeço sonhando com teu sorriso
Com teu sorriso
Com teu sorriso

Por você inventaria um lugar que não existe
Pediria à Deus pra ter o teu coração no peito meu
Roubaria suas digitais pra se misturar às minhas
Por amor eu doaria o meu sangue pra unir ao seu

(Pedro Paulo Mariano - Santa Maria da Serra-SP)