Loading...
LETRA

Na parede do seu quarto fiz um furinho
Pra ficar te namorando pelo buraquinho

É só alegria todo instante toda hora
Tô te bisoiando tô fungando aqui de fora
Do jeito que vai de derrete de um pó
É coisa do diabo quando a gente vive só

Te joga na cama do jeito que nasceu
Que pena que dó esse corpo não ser meu
Você me acende me deixa doidão
Parece que vai explodir meu coração

O homem sem mulher se consola com um retrato
Caçador que não tem cão caça com gato
Tô buraqueando tô ficando maluco
De olho na fera engatilhando meu trabuco