Loading...
LETRA

Esse carro não era meu
Cabelo arrepiado todo mundo tem
Te conto como aconteceu
Minha vida é um livro aberto, devo nada pra ninguém

Aquela loira do meu lado é a minha irmã
Eu não sou filho único, era só uma brincadeira
O celular não tava desligado
Deu caixa postal porque não tinha sinal na igreja

Pra falar a verdade tô ligando não
Deixa que pensem, que falem, que digam
O que os olhos não vêm não é traição
Por isso tape os olhos do seu coração

Ninguém sabe, ninguém viu. Então eu nego
Pode pedir pra falar. Eu não me entrego
Nem tudo é o que parece ser
Não acredite no que o povo fala pra você

Ninguém sabe, ninguém viu. Então eu nego
Pode pedir pra falar. Eu não me entrego
Nem tudo é o que parece ser
Não acredite no que o povo fala, inventa pra você

Esse carro não era meu
Cabelo arrepiado todo mundo tem
Te conto como aconteceu
Minha vida é um livro aberto, devo nada pra ninguém

Aquela loira do meu lado é a minha irmã
Eu não sou filho único, era só uma brincadeira
O celular não tava desligado
Deu caixa postal porque não tinha sinal na igreja

Pra falar a verdade tô ligando não
Deixa que pensem, que falem, que digam
O que os olhos não vêm não é traição
Por isso tape os olhos do seu coração
Ninguém sabe, ninguém viu. Então eu nego
Pode pedir pra falar. Eu não me entrego
Nem tudo é o que parece ser
Não acredite no que o povo fala pra você

Ninguém sabe, ninguém viu. Então eu nego
Pode pedir pra falar. Eu não me entrego
Nem tudo é o que parece ser
Não acredite no que o povo fala, inventa pra você

Inventa pra você