Loading...
LETRA

Cómo imaginar
Que la vida sigue igual
Cómo si tus pasos ya
no cruzan el portal

Cómo pretender esta realidad
Cómo si hasta ayer brillaba
el cielo en tu mirar

Cómo consolar
A la rosa y al jazmín
Cómo si tu risa
Ya no se oye en el jardín

Cómo he de mentirles
Que mañana volveras
Cómo despertar si tu no estas

Cómo imaginar
Que la vida sigue igual
Cómo si tus pasos ya
no cruzan el portal

Cómo pretender esta realidad
Cómo si hasta ayer brillaba
el cielo en tu mirar

Cómo consolar
A la rosa y al jazmín
Cómo si tu risa
Ya no se oye en el jardín

Cómo he de mentirles
Que mañana volveras
Cómo despertar si tu no estas

Cómo pretender esta realidad
Cómo si hasta ayer brillaba
el cielo en tu mirar

Cómo he de mentirles
Que mañana volveras
Cómo despertar si tu no estas

Cómo despertar si tu no estas
si tu no estas

TRADUÇÃO

[Como]
Como imaginar
Que a vida mudou
Como se os seus passos já
não atravessar o portal

Como fingir que essa realidade
Como qualquer outra até ontem brilhou
céu em seus olhos

Como consolar
A rosa e jasmim
Como se a sua risada
Você não ouve no jardim

Como eu mentir
Isso volveras manhã
Como acordar, se você não é

Como imaginar
Que a vida mudou
Como se os seus passos já
não atravessar o portal

Como fingir que essa realidade
Como qualquer outra até ontem brilhou
céu em seus olhos

Como consolar
A rosa e jasmim
Como se a sua risada
Você não ouve no jardim

Como eu mentir
Isso volveras manhã
Como acordar, se você não é

Como fingir que essa realidade
Como qualquer outra até ontem brilhou
céu em seus olhos

Como eu mentir
Isso volveras manhã
Como acordar, se você não é

Como acordar, se você não é
se você não estiver