Loading...
LETRA

Quero seu beijo de novo
E viajar no seu corpo
Escrever a história desse amor

Guardo em minha lembrança
Como uma marca em meu corpo
E dentro do meu coração

E, desesperado, rezo pra você voltar
Pra curar de vez a dor da solidão

Anjo do amor, vem correndo
Sem seu calor, tô morrendo
Onde estará teu sorriso a cada manhã?
Que te busco e não sei onde está

Te preciso
Se não vier, eu não vivo
Quem ganhará as carícias cada manhã?
Que te busco, meu anjo do amor

Anjo do amor

Quando você disse nunca mais
Não ligue mais, melhor assim
Não era bem o que eu queria ouvir

E me disse decidida: "Saia da minha vida"
Que aquilo era loucura, era absurdo

E mais uma vez você ligou
Dias depois, me procurou
Com a voz suave, quase que normal

E disse que não era bem assim
Não necessariamente o fim
De uma coisa tão bonita e casual

De repente, as coisas mudam de lugar
E quem perdeu pode ganhar
Teu silêncio preso na minha garganta
E o medo da verdade

Eu sei que eu, ah, eu queria estar contigo
Mas sei que não, sei que não é permitido
Talvez se nós, se nós tivéssemos fugido
E ouvido a voz desse desconhecido

O amor, o amor
O amor, o amor