Loading...
LETRA

Mãe, põe mais água no feijão aí
Que a saudade apertou daqui
Tô indo te dar um cheiro
Avisa ao pai
Separar aquele queijo
Meu abraço tá no jeito
Já tô na matriz de Santa Inês
Tô perto demais
De longe o cachorro, late
O peito acelerado bate
Os meus olhos enchem d'água
Cheguei na verdadeira casa
Bença pai, bença mãe
Me conta dos cabelos brancos
Quando eu saí, não eram tantos
Bença pai, bença mãe
A casa tá tão diferente
Mas o amor é o de sempre
Mas o amor é o de sempre