Loading...
LETRA

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Pra voltar correndo

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Que eu estou quase morrendo

Quando quem a gente ama
Bate a porta indo embora
A gente implora, a gente chora
Pede a Deus pra dá um jeito

Não tem essa de machão
Qualquer um fica na lona
Um adeus sempre detona
E arrebenta qualquer peito

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Pra voltar correndo

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Que eu estou quase morrendo

O trem pra doer no peito
É o adeus de quem se ama
Ter que dividir a cama
Com a tal da solidão

É um chororô danado
Uma doença que não sara
É um tal de encher a cara
E conversar com o coração

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Pra voltar correndo

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Que eu estou quase morrendo

O trem pra doer no peito
É o adeus de quem se ama
Ter que dividir a cama
Com a tal da solidão

É um chororô danado
Uma doença que não sara
É um tal de encher a cara
E conversar com o coração

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Pra voltar correndo

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Que eu estou quase morrendo

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Pra voltar correndo

Pega o telefone
Por favor, liga pra ela
Por favor, diga pra ela
Que eu estou quase morrendo