Loading...
LETRA

Nóis é cow-boy
Nóis é pião, nóis é marrudo
Nóis é simprão de tudo
Nóis é simprão de tudo

Se um prai boi
Sair na mão nóis é raçudo
Nóis é simprão de tudo
Nóis é simprão de tudo

De manhã cedo nóis toma banho gelado
Pra ficar desentrevado das
Pingas que nóis bebeu
Vamos pra roça pegar no cabo da enchada
Que de graça não vem nada,
Plantação já floresceu
Nóis anda liso, que nem caldo de quiabo
Nóis vive mais pendurado que semente
De café
Tem tanta gente cheia de grana
No mundo
Mais não é, por um segundo,
Tão feliz que nem nóis é

Nóis é cow-boy...

No fim do dia depois que a
Gente trabalha
Sempre tem jogo de malha, na
Vendinha do Seu João
Ali a gente papeia com os companheiros
Acende um bom peiero e toma
Uma com limão
Sábado a noite tem baile na fazenda
Primeiro nóis na venda e
Compra um litro de mé
Nóis é igual água descendo a colina
Fogo de ladeira acima quando
Vê uma muié.