Loading...
LETRA

Arrumo a minha mala
E ponho o pé na estrada
Seguindo rumo incerto
Corro em disparada
Destino forasteiro
Diga aonde vou
Me diga o que fazer
Por onde começar
Me mostre a direção
Por onde caminhar
Eu tenho que esquecer
Aquele velho amor

Eu tenho aqui comigo
Muito amor guardado
Um sonho muito antigo
Tenho sufocado

Desejos que me corpo
Nunca revelou
Eu quero, quero, quero
Um novo amor comigo
Eu quero nem que seja
Um coração bandido
Um broto que me faça
Dengo e muito amor

Ai, ai coração ta doente
Coração tá carente
Tá desesperado
Chorando sozinho
Ai, ai..coração ta dodói
Tá sofrendo demais
Sem saber o que faz
Implorando carinho