Loading...
LETRA

É hoje que o burro do meu coração
Dá um coice nessa solidão e desempaca
Não passa de hoje que eu vou mostrar pra ele
Com quantos copos se faz uma ressaca

Vou sair de casa sem ter hora pra voltar
Quero que ele saiba que eu sai pra me vingar
Quero ver ele com a cara no chão
Vou mandar pra ele a minha localização

Deixa ele ver meu beijo indo embora em outra boca
Se sobria eu não presto, pensa eu louca
Cutucou a onça com a vara errada

Deixa ele ver de perto o que foi que ele perdeu
Comigo escreveu, não leu, o pau comeu
De sexo frágil essa tonta não tem nada