Loading...
LETRA

16-Eu tô no meio

Hoje o sedém arrebenta
O boi derruba o peão
Cavalo pula na espora
No peito pula a paixão
Tristeza aqui não tem vez
Hoje a madeira canta
É gente querendo namorar
Enquanto a poeira levanta
Eu tô no meio rodeio é minha paixão
Hoje eu só volto amanhã
Amanheço no bailão
Eu tô no meio rodeio é minha paixão
Cavalo pula na arena
Tô nos braços da morena e a loira no coração
Peão que é peão encara
Não tem medo do perigo
Piso fundo não tem hora
Pois meu santo tá comigo
Eu não vim pra fazer feio
Vou cortar o bicho na espora
Pode abrir a porteira
Que o chão vai tremer agora.