Loading...
LETRA

Eu tenho uma mula preta
Tem sete parmo de altura, ai ai ai
A mula é descanelada
Tem uma linda figura, ai ai ai
Tira fogo na calçada
No rampão da ferradura, ai ai ai
Com a morena delicada
Na garupa vai segura, ai ai ai
A mula fica enjoada
Pisa só de andadura

O ensino na criação
Veja o quanto que regula, ai ai ai
O defeito do mulão
Se eu contar ninguém calcula, ai ai ai
Moça feia e marmanjão
Na garupa, a mula pula, ai ai ai
Chega a fazer cerração
Todo os pulo dessa mula, ai ai ai
Cabra muda de feição
Sendo preto, fica fula

Eu fui passear na cidade
Só numa vorta que eu dei, ai ai ai
A mula deixou saudade
Do lugar onde passei, ai ai ai
Pro mulão de qualidade
Quatro conto eu injetei, ai ai ai
Pra dizer mesmo a verdade
Nem satisfação eu dei, ai ai ai
Fui dizendo: Boa tarde
Pra minha casa vortei

Sortei a mula no pasto
Veja o que me aconteceu, ai ai ai
Uma cobra venenosa
A minha mula mordeu, ai ai ai
Com o veneno dessa cobra
A mula nem se mexeu, ai ai ai
Só durou umas quatro horas
Depois a mula morreu, ai ai ai
Acabou-se a mula preta
Que tanto gosto me deu