Loading...
LETRA

Podem me chamar de louco
Eu não acho ruim
Por ela sou o que sou
Gosto de ser assim

Vivendo na paz de Deus
E na boca do povo
Ela me chama de amor
Fico ainda mais louco

Louco
Louco varrido por ela
Minha loucura é ela
Minha lucidez é ela

Louco
Louco quando ela me aperta
E nessa paixão tão louca
Minha camisa de força
São os braços dela

Com a essência da paz
Na paixão e loucura
Ela faz em mim
A fórmula de sua ternura

E com o mel do seu beijo
Carinho e calor
Faz desse louco varrido
O seu ídolo de amor

Louco
Louco varrido por ela
Minha loucura é ela
Minha lucidez é ela

Louco
Louco quando ela me aperta
E nessa paixão tão louca
Minha camisa de força
São os braços dela

A ciência faz clone sem alma
E sem emoções
Só existe uma luz divina
Entre dois corações

Quem desistiu do amor
Não acredita em Deus
E quem não ama ninguém
É mais louco que eu

Louco
Louco varrido por ela
Minha loucura é ela
Minha lucidez é ela

Louco
Louco quando ela me aperta
E nessa paixão tão louca
Minha camisa de força
São os braços dela