Loading...
LETRA

Toda vez que a gente briga ela apela
e me xinga pego o carro e vou embora
Ligo pra algum amigo chamo pra beber comigo
ele já topa na hora
Paro em qualquer buteco vamo entorta o caneco
e amarrar outra fogueira
Ali eu afoga a magoa mas antes de ir pra casa
nois arma outra zoeira

Desligo o celular e vou pra um lugar
que a gente sempre frequenta
Onde tem mulherada a cerveja é mais gelada
e vale nove e noventa
Esqueço de tudo que se dane o mundo eu só quero alegria
Mas quando volta pra casa a muié já tá mais brava
e a carteira vazia