Loading...
LETRA

Era um cortejo de azul e branco
Quando azulado era o céu também
A frente o padre todos os fiéis
atrás seguiam respondendo amém
Hoje os meus dias um atrás do outro
Formam em minha alma longa procissão
Entrando vão todos pela grande porta
De velha igreja do meu coração

Os anjos todos os anjos
em minha mente esta oração ficou
Os anjos todos os anjos
quando por mim a procissão passou

O meu passado nem salve rainha
Esta oração que hoje me conforta
Ela passou e eu fiquei sozinho
Na rua escura da cidade morta
Fico pensando se não é a vida
igual aquela procissão que eu vi
Como Jesus eu também fui pregado
Na cruz dos sonhos todos que eu perdi

Muitos andores eram carregados
Atrás seguiam filhas de Maria
Depositando no altar da tarde
Últimos raios do clarão do dia
Volto a pensar se não é a vida
Igual aquela procissão fatal
O mesmo céu o mesmo azul da tarde
Que eu quero em minha procissão final