Loading...
LETRA

Amigo é tão bom te ver aqui,
Neste rancho que pra mim
Já perdeu o seu valor...
Amigo peço que entre agora
Vou mostrar-lhe a viola
Que já foi do meu avô.
Amigo foram tantas serenatas,
Até altas madrugadas
Alegrando o sertão.
Amigo ela agora está calada,
Na parede encostada
Já não tenho inspiração.

Toque amigo as raízes do sertão
Lindas modas de viola
E também de violão.
Toque amigo seu tocar é conhecido.
Como é bom poder ouvir
Meu companheiro, goianito.

Declamado

A viola é a essência
O violeiro o complemento
Não há solidão que resista
Quando se ouve esse instrumento.

Amigo desde que eu fiquei sozinho
No meu rancho sem carinho
Não consigo mais cantar...
Amigo eu perdi o meu amor
É tão grande a minha dor
Me Perdoe se eu chorar .
Amigo por favor não vai embora
Pegue logo esta viola
E comece a pontear
Amigo toque agora uma canção
Que contenha esta paixão
E que me ajude a superar..

Toque amigo as raízes do sertão...
.