Loading...
LETRA

Ana, mulher angustiada
a sua inimiga a irritava
porém o Senhor tinha lhe serrado a madre
não podia ter filhos
o sacerdote Eli
não a compreendeu e disse:
até quando estaras embriagada?
porém Ana respondeu e disse não meu Senhor sou uma mulher
atribulada de espírito
não tenho bebido, bebida forte ou vinho
porém tenho derramado a minha alma perante o Senhor
então respondeu Eli e disse: vai em paz e o Deus de Israel
te conceda a tua petição
e Ana levantou de madrugada adorou
Elcana conheceu a Ana e dela
o Senhor se lembrou

Ana chorou nos pés do Senhor
Ana orou, a oração Deus ouviu

A madre de Ana o Senhor abriu
e o filho nasceu
pra ser do Senhor para sempre
A madre de Ana o Senhor abriu
e o filho nasceu
pra ser do Senhor para sempre do senhor