Loading...
LETRA

Hoy te llamo por si acaso no te has ido,
y te queda un ratito para darme...
En mi cama hace tanto, tanto frío,
y me siento tan sólo a cada instante...

Soy la gota que se queda en la botella,
esa hoja que se mueve con el viento,
la mirada que se pierde en las estrellas,
las palabras que se gastan con el tiempo,
y me pongo a pensar...

En todas las cosas que no te he dado,
todas las veces que te he fallado,
yo lo que quiero es arreglarlo,
y cuanto antes...

En mis sueños puedo verte cada día,
y me siento cada noche a esperarte,
por si vuelves, y me traes tu melodía,
por si vienes esta vez para quedarte,
y me pongo a pensar...

En todas las cosas que no te he dado,
toda las veces que te he fallado,
y yo lo que quiero es arreglarlo,
y cuanto antes...

Todas las cosas que no te he dado,
todas las veces que te he fallado,
yo lo que quiero es arreglarlo
y cuanto antes...

Todas las cosas que no te he dado...

TRADUÇÃO

[Cuanto Antes]
Hoje te chamo, se acaso você ainda não foi,
E me dê um momentinho da sua atenção
Em minha cama faz tanto frio,
E me sinto tão sozinho a cada instante.

Sou a gota que fica na jarra,
Essa folha que se move com o vento,
O olhar que se perde nas estrelas,
As palavras que se gastam com o tempo,
E me ponho a pensar...

Em todas as coisas que não te dei,
Todas às vezes que falhei com você,
E o que quero é desarmar
E quanto antes...

Nos meus sonhos posso te ver a cada dia,
E me sento cada noite a te esperar
Acaso voltes, e me tragas sua melodia,
Acaso venha dessa vez para ficar
E me ponho a pensar...

Em todas as coisas que não te dei,
Todas às vezes que falhei com você,
E o que quero é desarmar
E quanto antes...

Todas as coisas que não te dei,
Todas às vezes que falhei com você,
E o que quero é desarmar
E quanto antes...

Todas as coisas que não te dei...