Loading...
LETRA

Porque no te bese en el alma cuando aun podia
porque no abrase la vida cuando la tenia
Y yo que no me daba cuenta cuanto te dolia
y yo que no sabia el daño que me hacia.

Como es que nunca me fije que ya no sonreias
y que antes de apagar la luz ya nada me decias
Que aquel amor se te escapo
que habia llegado el dia
que ya no me sentias
que ya ni te dolia.


Me dedique a perderte
Y me ausente en momentos que se han ido para siempre
Me dedique a no verte
y me encerre en mi mundo y no pudiste detenerme
Yme aleje mil veces
y cuando regrese te habia perdido para siempre
y quise detenerte
y entonces descubri que ya mirabas diferente

Me dedique a perderte
Me dedique a perderte


Porque no te llene de mi cuando aun habia tiempo
Porque no pude comprender lo que hasta ahora entiendo
Que fuiste todo para mi y que yo estaba ciego
te deje para luego este maldito ego


Me dedique a perderte
Y me ausente en momentos que se han ido para siempre
Me dedique a no verte
y me encerre en mi mundo y no pudiste detenerme
Yme aleje mil veces
y cuando regrese te habia perdido para siempre
y quise detenerte
y entonces descubri que ya mirabas diferente

Me dedique a perderte
Me dedique a perderte

TRADUÇÃO

Me dediquei a te perder

Porque não te beijei na alma quando ainda podia
Porque não abracei a vida quando a tinha
E eu não me dava conta o quanto te doía
E eu que não sabia o dano que me fazia

Como é que nunca me atentei que já não sorria
E antes de apagar a luz já não me dizia mais nada
Que aquele amor foi embora de si
Que havia chegado o dia
Que já não me sentias
Que já nem te doía

Me dediquei a te perder
Y me ausentei em momentos que se foram para sempre
Me dediquei a não te ver
E me fechei em meu mundo y não pudeste me deter
E me distanciei mil vezes
E quando regressei tinha te perdido para sempre
E eu quis me deter
E então descobri que já me olhava diferente

Me dediquei a te perder
Me dediquei a te perder

Porque não te preenchi de mim quando ainda havia tempo
Porque não pude compreender o que até agora entendo
Que foste tudo para mim e que eu estava cego
Te deixei para depois, este maldito ego

Me dediquei a te perder
E me ausentei em momentos que se foram para sempre
Me dediquei a não te ver
E me fechei em meu mundo e não pudeste me deter
E me distanciei mil vezes
E quando regressei tinha te perdido para sempre
E quis me deter
E então descobri que já me olhavas diferente

Me dediquei a te perder
Me dediquei a te perder